Revista "Centelha"

Clique na Imagem e veja a revista virtualizada
Clique na Imagem e veja a revista virtualizada

Canções da nossa terra

Links

MLDM - Movimento de Luta em Defesa da Moradia
MLDM - Movimento de Luta em Defesa da Moradia

AJP

Blog Assessoria Jurídica Popular
Blog Assessoria Jurídica Popular

Movimentos Sociais

Comuna 17 de abril
Comuna 17 de abril

Notícias

Noticias

FIFA continua ameaçando direito de idosos e estudantes brasileiros

A meia-entrada é dos principais pontos de desacordo entre na chamada Lei Geral da Copa

07/10/2011

 

Jorge Américo,
da Radioagência NP

 

A Fifa anunciou ao governo brasileiro que não vai aceitar o prejuízo resultante da meia-entrada concedida a idosos e estudantes para os jogos da Copa do Mundo de 2014. O órgão estima que poderá deixar de faturar cerca de R$ 180 milhões, caso o benefício seja concedido.

A meia-entrada é dos principais pontos de desacordo entre o governo e a entidade máxima do futebol na chamada Lei Geral da Copa. Em encontro com o secretário geral da Fifa, Jérôme Valcke, a presidente Dilma Rousseff disse que não poderia interferir nas regras da meia-entrada no Brasil por se tratar de um benefício previsto em leis estaduais.

Dilma terá dificuldades para sustentar sua posição, pois a Câmara dos Deputados acaba de aprovar o Estatuto da Juventude, que torna a meia-entrada um benefício nacional para os estudantes de 15 a 29 anos. Com isso, a esfera federal também pode interferir.

A FIFA lucrou US$ 4,1 bilhões (R$ 7,3 bilhões) na realização do Mundial de 2010, na África dão Sul. Na média, os ingressos custaram cerca de US$ 135, aproximadamente R$ 255. Como o texto da proposta de legislação dá a Fifa liberdade para decidir sobre o valor cobrado do público, há a possibilidade de os custos da meia-entrada serem repassados no valor final dos ingressos.

Com informações da Folha de S. Paulo

07/10/11

Fonte: http://www.brasildefato.com.br/content/fifa-continua-amea%C3%A7ando-direito-de-idosos-e-estudantes-brasileiros